Página arquivada:pode conter informações antigas
  • Enviar esta página
  • Imprimir esta página

A atividade agrícola durante os conflitos

29-11-2007 Reportagem

O folheto “A atividade agrícola durante os conflitos” apresenta 15 estudos de caso, exclusivamente de natureza agrícola, que mostram a diversidade das práticas agrícolas em todo o mundo. Os estudos de caso têm a intenção de ir além dos problemas imediatos, das mortes trágicas e das incertezas provocadas pelos conflitos e mostrar como as pessoas podem enfrentar os problemas e reconstruir seu meio de subsistência. O objetivo deste folheto é ilustrar o tipo de respostas que uma organização como o CICV pode oferecer.

A natureza dos conflitos mudou. Nas últimas décadas os conflitos internacionais e não internacionais tenderam a ser mais longos; as frentes e os campos de batalhas claramente estabelecidos desapareceram e foram substituídos por táticas de ataque seguidas de fuga e pelas lutas prolongadas por recursos, territórios ou pelo controle sobre a população.

Conseqüentemente, a população civil freqüentemente se torna alvo do conflito ou é a sua principal vítima. Não apenas os civis são vítimas do conflito, mas o impacto pode atingir os civis em um grau muito maior e prolongado. As populações civis são freqüentemente forçadas a fugir, perdendo todos os seus pertences. Muitas vezes, seus povoados e campos de cultivo são destruídos de forma sistemática e regular. O deslocamento dessas populações e o acesso aos recursos podem ser limitados. Além disso, os membros mais produtivos da comunidade estão cada vez mais sob a ameaça de recrutamento forçado nos grupos armados, deixando suas famílias sem uma força de trabalho suficiente. Em outras palavras, as famílias podem ficar não apenas destituídas, mas suas chances de recuperação são mais limitadas e às vezes impossíveis.

Tendo em vista que proteger e assistir às vítimas de guerra está na essência do nosso mandato, o CICV precisa constantemente desenvolver novas abordagens para oferecer a melhor assistência para as populações civis. Ao se adaptar à evolução dos conflitos, o CICV continua a dirigir sua atenção para as necessidades da população civil não apenas durante as emergências, mas também por algum tempo após o conflito, a fim de que esta população possa recomeçar suas atividades econômicas normais.

 
       
        pdf
Farming Trough Conflict
     (2.2 Mb)    
   Ajuda PDF