Comitê Internacional da Cruz Vermelha

Ghouta Oriental: onde as necessidades são imensas e a recuperação é lenta

Galeria de fotos 17 agosto 2018

Trabalho para o Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) há três anos. Durante este tempo, visitei várias cidades na Síria. Uma das coisas que mais me inspiram, em todas as minhas viagens, é conhecer nova pessoas e interagir com elas.

Na semana passada, visitei as pessoas que ainda vivem nas ruínas de Ghouta Oriental. A população atual é de aproximadamente 300 mil pessoas. Uma coisa que todos compartilham são as difíceis condições que enfrentam para viver ali.

A única fonte de água potável segura chega pelos reservatórios fornecidos pelo CICV. Outras organizações humanitárias e nós nos encarregamos de encher estes reservatórios de água. As pessoas com quem interagi costumavam ser carpinteiros, encanadores e feirantes. Hoje, o único trabalho que a maioria consegue encontrar é o transporte de escombros.

 

Por Ali Youssef, CICV Síria