Rússia

A delegação do CICV em Moscou mantém diálogo com a Rússia sobre questões humanitárias e o Direito Internacional Humanitário (DIH), busca reduzir as consequências de conflitos do passado no norte do Cáucaso e apoia as Sociedades Nacionais da Cruz Vermelha da Rússa, Belarus e Moldávia.

Notícias
Em números

Ajuda para as pessoas deslocadas pelo conflito na Ucrânia em 2016

  • 15 mil
    Pessoas deslocadas da Ucrânia para o sul da Rússia receberam alimentos e outros utensílios básicos mensalmente.
  • 17 mil
    Pessoas vulneráveis na Crimeia e em Sevastopol, que foram deslocadas pelo conflito, receberam alimentos e outros utensílios básicos todos os meses.
  • 6,5 mil
    Refugiados ucranianos na Belarus receberam, a cada três meses, vales que lhes permitiam comprar alimentos e outros utensílios básicos.

Receba o boletim do CICV