Myanmar: combustível ajuda pessoas deslocadas em Rakhine a prepararem a comida

  • Campo de deslocados internos de Nget Chaung II, município de Pauktaw, estado de Rakhine, Mianmar.
    Campo de deslocados internos de Nget Chaung II, município de Pauktaw, estado de Rakhine, Mianmar.
    As famílias que moram nos campos e em aldeias isoladas não têm acesso a combustível para cozinhar. Para prepararem as suas refeições, elas usam pedaços arrancados dos seus abrigos, materiais perigosos como plástico ou trocam parte das suas cestas alimentares por combustível.
    CC BY-NC-ND / CICV / Antonia Paradela Torices
  • Campo de deslocados internos de Taung Paw, município de Myebon, estado de Rakhine, Mianmar.
    Campo de deslocados internos de Taung Paw, município de Myebon, estado de Rakhine, Mianmar.
    Ao fornecer varetas de combustível, o CICV contribui para reduzir o desmatamento e o risco de incidentes de segurança associados à colheita de lenha nas proximidades dos campos. No estado de Rakhine, a organização trabalha em total transparência com as autoridades e consulta os líderes das comunidades a fim de melhorar as vidas de todas as pessoas afetadas de forma direta ou indireta pela violência. As necessidades das famílias mais vulneráveis nas comunidades budistas e muçulmanas são levadas em conta e o auxílio é adaptado às suas necessidades.
    CC BY-NC-ND / CICV / Antonia Paradela Torices
  • Campo de deslocados internos de Taung Paw, município de Myebon, estado de Rakhine, Mianmar.
    Campo de deslocados internos de Taung Paw, município de Myebon, estado de Rakhine, Mianmar.
    Mulheres e crianças podem passar até quatro horas por dia juntando combustível, o que aumenta a sua exposição ao assédio. No caso específico das crianças, isto também implica contar com menos tempo para outras atividades fundamentais, como ir à escola.
    CC BY-NC-ND / CICV / Antonia Paradela Torices
  • Campo de deslocados internos de Taung Paw, município de Myebon, estado de Rakhine, Mianmar.
    Campo de deslocados internos de Taung Paw, município de Myebon, estado de Rakhine, Mianmar.
    A casca do arroz, um subproduto do seu processamento, está amplamente disponível no estado de Rakhine. As varetas distribuídas pelo CICV são produzidas localmente com cascas de arroz – materiais que de outra forma teriam sido descartados.
    CC BY-NC-ND / CICV / Antonia Paradela Torices
  • Campo de deslocados internos de Taung Paw, município de Myebon, estado de Rakhine, Mianmar.
    Campo de deslocados internos de Taung Paw, município de Myebon, estado de Rakhine, Mianmar.
    Amo Khatu é uma viúva que mora com os três filhos. Desde que foi relocalizada no campo, Amo não consegue um trabalho informal, nem conta com uma fonte de renda. Ela costumava passar horas colhendo pedaços quebrados de bambu para cozinhar as refeições da sua família. Agora, depois de receber varetas de combustível, ela pode dedicar mais tempo à família ou à busca de emprego.
    CC BY-NC-ND / CICV / Antonia Paradela Torices
  • Campo de deslocados internos de Nget Chaung II, município de Pauktaw, estado de Rakhine, Mianmar.
    Campo de deslocados internos de Nget Chaung II, município de Pauktaw, estado de Rakhine, Mianmar.
    Mais de 18 mil pessoas deslocadas que moram nos campos nos municípios de Pauktaw e Myebon receberam varetas de combustível distribuídas pelo CICV. A maior parte das suas necessidades de combustível para cozinhar depende da temporada e da sua vulnerabilidade.
    CC BY-NC-ND / CICV / Antonia Paradela Torices
  • Campo de deslocados internos de Taung Paw, município de Myebon, estado de Rakhine, Mianmar.
    Campo de deslocados internos de Taung Paw, município de Myebon, estado de Rakhine, Mianmar.
    No estado de Rakhine, o CICV trabalha em total transparência com as autoridades e consulta os líderes das comunidades a fim de melhorar as vidas de todas as pessoas afetadas de forma direta ou indireta pela violência. As necessidades das famílias mais vulneráveis nas comunidades budistas e muçulmanas são levadas em conta e o auxílio é adaptado às suas necessidades. Desde junho de 2014, a organização também distribuiu ajuda financeira entre cinco mil pessoas de ambas as comunidades para abrir pequenas empresas – por exemplo, abrir uma loja, criar gado ou pescar.
    CC BY-NC-ND / CICV / Antonia Paradela Torices
23 julho 2015

Mais de cem mil pessoas deslocadas em 2012 pela violência sectária no estado de Rakhine, em Mianmar, continuam morando em campos. Quaisquer movimentos fora destes campos são restritos. Elas têm acesso limitado a recursos, incluindo os mais básicos, como o combustível para cozinhar.

Desde junho de 2014, o CICV fornece varetas de combustível feitas de cascas de arroz cultivado localmente às famílias nos campos localizados nos municípios de Pauktaw e Myebon, perto da capital estadual, Sittwe.