República Centro-Africana: Movimento Internacional da Cruz Vermelha condena com veemência morte de voluntários da Cruz Vermelha

09 agosto 2017
República Centro-Africana: Movimento Internacional da Cruz Vermelha condena com veemência morte de voluntários da Cruz Vermelha
Ataque deixou seis voluntários da Cruz Vermelha da República Centro-Africana mortos.

Bangui / Genebra- O Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho está consternado e entristecido com as mortes violentas de seis voluntários da Cruz Vermelha no início desta semana na República Centro-Africana (RCA

Os voluntários participavam de uma reunião sobre a crise em um estabelecimento de saúde em Gambo, distrito de Mbomou, sudeste da RCA, no dia 3 de agosto. As circunstâncias exatas não estão claras ainda; no entanto, os relatos indicam que civis e funcionários da área de saúde também foram mortos.

O Movimento Internacional da Cruz Vermelha condena com veemência este incidente, o terceiro ataque desta natureza na RCA, que custou as vidas de funcionários da Cruz Vermelha desde o início do ano.

"Estamos estarrecidos com a notícia da morte dos nossos colegas voluntários", declarou o presidente da Cruz Vermelha Centro-Africana, Antoine Mbao-Bogo. "Fazemos um apelo a todas as partes que tomem medidas para poupar a população civil e respeitar os profissionais humanitários."

O Movimento da Cruz Vermelha está profundamente preocupado com o ressurgimento da violência na RCA nos últimos meses. Esta violência e os ataques específicos contra os profissionais humanitários impedem os voluntários e os funcionários da Cruz Vermelha de assistirem as comunidades gravemente afetadas pelo conflito armado.

O Movimento Internacional da Cruz Vermelha faz um apelo aos atores que respeitem e protejam as ambulâncias, os profissionais e os estabelecimentos de saúde. Não podem ingressar nos estabelecimentos de saúde pessoas armadas e todos os grupos devem facilitar a evacuação de todas as pessoas doentes e feridas para os estabelecimentos de saúde para receberem atendimento.

O Movimento Internacional da Cruz Vermelha estende os seus mais sinceros pêsames às famílias de todas as pessoas mortas no ataque de 3 de agosto e aos colegas e amigos de toda a RCA.

Mais informações:
Matthew Cochrane, FICV Genebra, +41 79 251 80 39
Aurelie Lachant, CICV Genebra, +41 79 244 64 05

 

Receba o boletim do CICV