Líbia

Com a intensificação dos confrontos na Líbia, dezenas de milhares de famílias deslocadas ainda estão sem perspectiva de retornar às suas casas e precisam de assistência humanitária.

Muitas regiões enfrentam a falta de combustível e as interrupções no fornecimento de energia e no abastecimento de água, ao mesmo tempo em que o acesso à assistência à saúde se torna cada vez mais difícil.

Notícias
Em números

Em 2016

  • 104 mil
    pessoas deslocadas receberam utensílios domésticos básicos
  • 65,2 mil
    pessoas deslocadas receberam alimentos
  • 80
    toneladas de material médico foram doadas a 26 hospitais e estabelecimentos de saúde
  • 450
    migrantes receberam roupas e artigos de higiene