O CICV na Ucrânia

15 agosto 2014
O CICV na Ucrânia
Para ver a imagem completa, clique aqui ou na foto abaixo.

Na Ucrânia, o CICV mantém um diálogo com as autoridades, visando abordar as prementes questões humanitárias, e apoia as atividades de primeiros socorros da Cruz Vermelha Ucraniana.

Geral

O CICV monitoramos a situação no terreno e mantém um diálogo confidencial com todas as partes envolvidas na violência, de modo a abordar as mais prementes questões humanitárias. Estas incluem o paradeiro de soldados ucranianos e das suas famílias na Crimeia, e das pessoas detidas, feridas ou desaparecidas com relação aos distúrbios ou conflito.

Apoio à Cruz Vermelha Ucraniana

O CICV presta apoio técnico e financeiro à sede e às filiais da Cruz Vermelha Ucraniana, além de treinar socorristas. Os colaboradores de resposta emergencial da Cruz Vermelha Ucraniana, sediados em Kiev, estão nas regiões apoiando as equipes. A filial da Cruz Vermelha na Crimeia formou equipes voluntárias de resposta para prestar primeiros socorros onde for necessário.

A Cruz Vermelha Ucraniana recebeu o apoio de outras Sociedades Nacionais da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho, incluindo material médico, transferido a um hospital emergencial e a um hospital do Ministério do Interior em Kiev. A Cruz Vermelha Alemã entregou material de emergência a Donetsk para ser usado pela filial local da Cruz Vermelha Ucraniana.

O CICV lembra a todas as partes que devem respeitar o emblema da cruz vermelha e o trabalho dos colaboradores e voluntários da Cruz Vermelha Ucraniana, para que eles possam chegar às pessoas necessitadas.

Detidos

O CICV visita as pessoas que foram detidas, incluindo jornalistas, em relação com a atual situação no leste da Ucrânia, sobretudo na região de Donetsk. Realizou essas visitas em conformidade com os procedimentos operacionais padrões e os detalhes permanecem sendo confidenciais.

Presença na Ucrânia

O CICV tem uma delegação em Kiev, na qual trabalham 25 colaboradores, ademais de escritórios em Donetsk, Kharkiv e Odessa. Estamos aumentando a nossa presença nessas cidades em resposta às necessidades da população que sofre os efeitos da situação no leste da Ucrânia. O CICV também tem subescritórios em Starobilsk e Mariupol.