Afeganistão: CICV preocupado com o crescente número de vítimas civis

30 abril 2015

Genebra/Cabul (CICV) – O diretor de Operações do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), Dominik Stillhart, manifestou a sua preocupação com o crescente número de vítimas civis no conflito no Afeganistão. Afirmou que isso foi particularmente perturbador em um momento quando os compromissos de financiamento para apoiar o trabalho humanitário no país estão diminuindo.

"Estamos profundamente preocupados com o número de ataques nas últimas semanas e o fardo pesado sobre a população afegã", afirmou Stillhart durante uma visita ao país. A natureza indiscriminada de um ataque no dia 18 de abril, em Jalalabad, que causou a morte de pelo menos 33 pessoas e feriu mais de cem, inclusive muito civis, representa uma tendência alarmante.

"As necessidades humanitária no Afeganistão não diminuem. São cada dia maiores. Vemos que o confronto aumenta em intensidade", declarou o diretor de Operações do CICV. A organização ajudou 345 feridos a chegarem a estabelecimentos de saúde em áreas remotas e do outro lado das linhas de batalha nos primeiros três meses de 2015. É um aumento de 19% em comparação com o mesmo período no ano passado.

"É simplesmente vital, neste momento, que os doadores mantenham o seu compromisso com as pessoas mais vulneráveis no Afeganistão", reforçou Stillhart. Até agora, o apelo do CICV para as atividades humanitárias em 2015 no Afeganistão só obteve 25% dos fundos necessários.

Durante a sua visita, Stillhart se reuniu com autoridades afegãs para discutir diversas questões relacionadas com detenção, saúde e assistência para as pessoas deslocadas. Também se reuniu com a presidente do Crescente Vermelho Afegão, Fatima Gailani, para tratar dos desafios humanitários do país e a continuidade da cooperação entre o CICV e essa Sociedade Nacional.

Entre janeiro e março de 2015, o CICV:

  • Forneceu água potável para 80 mil pessoas
  • Entregou ajuda básica para quase 35 mil pessoas
  • Fabricou quase cinco mil membros artificiais para pacientes com deficiências físicas

 
Mais informações:
Marek Resich, CICV Cabul, tel: +93 729 140 510
Zarlasht Sarmast, CICV Cabul, tel: +93 794 618 908
Francis Markus, CICV Genebra, tel: +41 79 217 32 04