Ucrânia: CICV facilita liberação e transferência de pessoas detidas em relação com o conflito

29 outubro 2015

Kiev/Lugansk (CICV) – Com a participação do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), vinte pessoas detidas em relação com conflito na Ucrânia foram liberadas hoje e transferidas de volta às suas cidades de origem.

A entrega foi realizada próxima à cidade de Schastie, em uma linha que divide o território controlado pelo governo e o controlado pela oposição. A operação foi organizada em conformidade com as disposições do Acordo de Minsk.

"Este é um dia importante para os detidos e para as suas famílias. Estamos satisfeitos de ver que todas as partes em conflito concordaram com esta operação", afirmou Alain Aeschlimann, chefe da delegação do CICV na Ucrânia. "O CICV está preparado e disposto para ajudar a resolver outras questões humanitárias futuras relacionadas com o conflito e que recaiam dentro do marco do acordo de Minsk."

Esta é a primeira vez que o CICV participa de uma liberação de pessoas detidas em relação com o conflito na Ucrânia. Agindo como intermediário neutro e em conformidade com o seu mandato, o CICV facilitou a liberação e a transferência após consulta com todas as partes.

O CICV também busca visitar regularmente os detidos em lugares onde estão sendo mantidos para monitorar as suas condições e o tratamento que recebem. A organização trabalha de maneira confidencial com as autoridades detentoras para discutir questões que surgem relacionadas com essas visitas.

Mais informações:
Matthias Weinreich, CICV Kiev, tel.: +380 67 509 42 06
Sanela Bajrambasic, CICV Donetsk, tel.: +38 050 315 04 60