Ucrânia, dezembro de 2021

Ucrânia: conflito ativo causa graves consequências humanitárias

Genebra (CICV) – Declaração do diretor de operações do Comitê Internacional da Cruz Vermelha, Dominik Stillhart.
Declaração 12 janeiro 2022 Ucrânia

"Quem vive no leste da Ucrânia sabe algo de que muitas pessoas do mundo se esqueceram: o conflito armado nesse país continua ativo e provocando graves consequências humanitárias na vida e no bem-estar das pessoas, em suas casas e em infraestruturas essenciais. E isso vem acontecendo há quase oito anos.

A Ucrânia pode ter voltado às principais manchetes, mas nunca saiu delas para as pessoas que sofrem com os combates. Apoiamos centenas de milhares de pessoas que vivem perto da linha de contato e que sofrem regularmente com a interrupção do acesso a alimentos, assistência médica, água, aquecimento e eletricidade, mas também a serviços sociais, educação e oportunidades de subsistência. Milhares de pessoas, tanto civis quanto combatentes, foram mortas, feridas, detidas ou separadas de seus entes queridos. Centenas de pessoas ainda estão procurando seus entes queridos desaparecidos.

A população civil e as infraestruturas que garantem a prestação de serviços essenciais devem ser poupadas, as famílias devem poder se encontrar e se ajudar, e as pessoas detidas devem ser tratadas de forma humanitária, de acordo com as exigências do Direito Internacional Humanitário, em todos os conflitos armados." 

Mais informações:
Sanela Bajrambasic, CICV Kiev, sbajrambasic@icrc.org, tel: +380952628049
Jason Straziuso, CICV Genebra, jstraziuso@icrc.org, tel: +41 79 949 3512