Conheça o Condutor da Tocha

07 julho 2016

 Laino é responsável pelo programa de Saúde do CICV no Brasil. O enfermeiro brasileiro, de 41 anos, sempre se interessou por Saúde Pública. Tem experiência no campo da Epidemiologia, na Gestão da Saúde e na docência. Ele ajudou a criar e implementar o programa "Acesso Mais Seguro para os serviços de saúde" (AMS) que busca reduzir e prevenir o impacto da violência sobre profissionais de saúde que atuam na Atenção Primária e residentes de comunidades do Rio de Janeiro, além de facilitar o acesso dessa população aos serviços básicos de saúde pública. Os profissionais adotam medidas de autoproteção e protocolos de segurança para casos de emergência.

Agora, o Projeto está na fase de replicação para outras cidades e Ricardo prepara treinadores que, por sua vez, formam agentes comunitários de saúde em AMS. A pedido das autoridades locais, o programa está sendo replicado em 12 cidades, entre elas, Porto Alegre e Florianópolis.

"O Acesso Mais Seguro transformou a minha vida. Eu uso não só no meu trabalho, mas também em casa. Quando eu identifico que a comunidade não está tranquila, a gente tem uma série de coisas que a gente adotou", afirmou uma das agentes comunitárias treinadas por Ricardo.

Quando soube que tinha sido escolhido para representar o CICV, ficou emocionado:

Me senti duplamente honrado. Por fazer parte desse momento olímpico, no ano em que os Jogos serão sediados pelo Rio, a cidade onde eu nasci. E também representar a instituição na qual eu trabalho que promove princípios humanitários.